Casal suspeito de matar o próprio filho é preso em Quatis

A Polícia Civil de Porto Real prendeu ontem (29) um casal suspeito de ter matado o próprio filho, um bebê de três meses. A criança morreu no dia 4 de outubro do ano passado, na casa da família, que fica no bairro Barrinha.  Desde a morte do filho, os pais que são usuários de drogas estavam sendo investigados.

De acordo com o inquérito, quando a criança morreu, foi alegado que ela havia caído da cama em que dormia, causando traumatismo craniano. Entretanto, os depoimentos foram inconsistentes, e os policiais se aprofundaram no caso. O casal também já tinha perdido a guarda de outros dois filhos devido o envolvimento com as drogas.

preso quatis

As versões mudaram ao decorrer das investigações. A mulher passou a responsabilizar o marido pela morte do bebê, e o companheiro confessou que teria pressionado a cabeça da criança porque ela chorava muito, enquanto sua mulher estava na boca de fumo.

O homem foi encontrado no distrito de Santa Rita de Cássia, em Barra Mansa, e a mulher no distrito de Bulhões, em Porto Real. Em seguida,  eles foram encaminhados para a 100ª DP (Porto Real), onde foi determinada prisão temporária. O casal responderá por homicídio doloso qualificado  e podem cumprir até 30 anos de prisão.

Por: Diário do Vale

Fonte: http://www.diariodovale.com.br/noticias/0,99755,Casal%20suspeito%20de%20matar%20o%20proprio%20filho%20e%20preso%20em%20Quatis.html#ixzz3QiuJrCuC